69 palavras 42 Paradoxo

Paradoxo

A justaposição dos dois componentes desta paisagem pode parecer paradoxal. De um lado, um prédio residencial que ladeia o parque, de outro, um juncal, meio úmido, propício ao desenvolvimento dos mosquitos e outros moradores de direito, aptos a perturbar a vida dos seus vizinhos de cima. Ao introduzir algumas rãs, respeitando, portanto, a biodiversidade da cadeia alimentar stricto sensu, esses predadores dos insetos diversos garantem a serenidade dos moradores bípedes. Além disso, a introdução deste meio em área urbana cria uma ferramenta pedagógica incomum que permite observar in vivo e em escala real, sempre preferível a um tanquinho de mesmo tipo, desenvolvido em escala reduzida numa escola. O aporte estético, no mínimo original, acaba convencendo os humanos do valor dessa aposta paradoxal.